Especial Outlander: a origem da canção 'The Skye Boat Song'

25 julho 2017

Outlander retorna no dia 10 de setembro para a terceira temporada e eu, como grande fã da série, não poderia deixar de escrever sobre ela aqui. Porque além de lindo, esse é o primeiro e único seriado que me faz querer pesquisar sobre tudo. Desde como surgiu a música de abertura, até quem foi o gênio que escreveu aquele poema lindo recitado no final da segunda temporada (farei um post sobre este último em uma outra ocasião). 









Mas hoje, vamos conhecer e descobrir um pouco  até porque não sou nenhuma historiadora — a origem da música de abertura da série que, aliás, é uma das minhas aberturas favoritas. Lembro como se fosse hoje que antes mesmo de assistir o primeiro episódio inteiro, eu já estava apaixonada só por aqueles segundinhos iniciais embalados por aquela canção. A música sofreu algumas alterações entre a primeira e a segunda temporada, já que a letra ganhou alguns trechos em francês na última season, mas a história que ela carrega continuou intacta.


A The Skye Boat Song é uma canção folclórica escocesa escrita em 1870 pelo inglês Sir Harold Boulton para a então compositora Miss Annie MacLeod (Lady Wilson). Alguns anos depois ele acrescentou novos versos a letra, utilizando um formato de música gaélica (dialeto utilizado em ilhas da Escócia e Irlanda proveniente dos Celtas) para descrever, em forma de um lamento Jacobita, como o príncipe Charles Edward Stuart  — também conhecido como Bonnie* Prince Charlie (Belo Príncipe Charlie)— escapou, após ser derrotado na Batalha de Culloden (1746), para a Ilha de Skye na Escócia. Essa foi a primeira vez que a canção foi adaptada para uma versão romântica vitoriana, onde Sir Boulton detalha o modo como Flora MacDonald teria supostamente ajudado o príncipe a escapar das tropas britânicas rumo à Skye.


Though the waves leap, soft shall ye sleep,
Ocean’s a royal bed. 
Rocked in the deep, Flora will keep 
Watch by your weary head. 


Outra curiosidade muito interessante é que a The Skye Boat Song também foi transformada em poema  Sing me a Song of a Lad that is Gone  por Robert Louis Stevenson em 1892, segundo o The Alexandria Papers. Foi ele o responsável em adicionar a palavra lad como referência ao Príncipe. Veja:


Sing me a song of a lad that is gone,
Say, could that lad be I?
Merry of soul he sailed on a day
Over the sea to Skye.


Como você pode ver, a música tem inúmeras versões e uma delas é a do cantor Bear McCreary que utilizou o poema de Stevenson para adaptar a letra de abertura do programa.



*Da palavra escocesa derivada da francesa bon ('bom'), bonnie significa belo.
© LIVROS MINHA TERAPIA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por