Coluna Raffa : Louca pelo garoto da @cialetras

05 dezembro 2013


Título original : Mad about you - Bridget Jones
Título no Brasil : Louca por você - Bridget Jones
Autora : Helen Fielding
Editora : Companhia das Letras
Número de págs : 434


Já aviso de antemão que se você está fugindo de spoilers, não leia essa resenha!
Eu fiquei com raiva quando soube que Darcy morria, quem não sabia? Na blogosfera não se falou em outra coisa, como assim essa autora mata o marido de Bridget Jones? Confesso a vocês que virei fã da personagem por causa dos filmes, o trio principal para mim é impagável e sou completamente apaixonada pelos 3!
Com isso, queria muito ler esse livro, por mais que o sentimento de raiva viesse, queria saber o que tinha matado Darcy, o que tinha acontecido com Daniel? E finalmente o como estava Bridget depois de 14 anos da última história.
Foi assim com muita curiosidade que comecei a ler o livro que foi enviado pela querida parceira Cia das Letras.
E devo admitir : não consegui parar de ler . Bridget de meia idade continua sendo muito engraçada , seus discursos e pensamentos me fizeram rir loucamente no metrô, na fila do elevador, onde eu estivesse!
Foi assim que passei o dia, me divertindo com esse livro, agora Bridget é uma viúva que sofre com saudades de Mark mas que mal tem tempo para chorar ou pensar nos quilos que ganhou pois seus filhos Billy e Mabel a enlouquecem, da mesma forma que são fofos, eles trazem piolhos para casa, falam o que não devem e brigam entre si.
Tendo que dividir os afazeres de mãe, roteirista e viúva a procura de uma grande amor, ela resolve usar e abusar das redes sociais , e talvez essas sejam as melhores partes do livro. Como não rir dela tentando ser cool no twitter mas da mesma forma que ganha seguidores, os perde.
Através da tecnologia ela conhece um gato de 30 anos, Roxter e é esse homem bem mais novo que ela que dá o nome ao livro de " Louca pelo  garoto", ela se apaixona intensamente pelo garotão e mata sua vontade no quarto tentando esconder o namorado dos filhos ( causando mais situações risíveis!).
Por mais que quem seja fã jamais vai aceitar o final infeliz de Mark, não conseguiria não ter lido esse livro que é muito a vida como ela é, e nem sempre temos o felizes para sempre.
Bridget é como todas nós, insegura, super família, saudosa do marido e ainda querendo se sentir desejada, sem que tenha culpa nos outros quesitos da vida.
Por isso mesmo, a história é muito boa, porque até me fez esquecer que a autora matou nosso herói, por mais que preferisse que os dois tivessem apenas se separados como nas novelas para serem felizes novamente no final. Infelizmente o final que a autora deu a Bridget e Darcy não foi o eterno, a não ser que um quarto livro venha com algo sobrenatural e a gente descubra que o Darcy na verdade virou vampiro, zumbi ou anjo, e anda vagando por aí.
Ainda assim, recomendo o livro, me fez rir muito, que nem doida, com a sempre impagável Jones!
 
© LIVROS MINHA TERAPIA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por