Terapia no Cinema : As bem-armadas

25 setembro 2013

Título: As Bem Armadas
Título original: The Heat
Ano: 2013
Roteiro: Katie Dippold
Direção: Paul Feig
Elenco: Sandra Bullock, Melissa McCarthy, Marlon Wayans, Demian Bichir, Thomas F. Wilson, Michael Rapaport,
Gênero: Ação, Comédia, Policial
Duração: 1h57



Sinopse: Ashburn (Sandra Bullock) é uma agente especial do FBI extremamente competente, apesar de ser mal vista pelos colegas de trabalho por ser arrogante e antipática. De olho em uma promoção no trabalho, ela pede ao seu chefe (Demian Bichir) que a encarregue da investigação de um poderoso traficante de drogas em Boston, cuja identidade é desconhecida. Entretanto, logo ao chegar Ashburn decide interrogar um pequeno traficante preso por Mullins (Melissa McCarthy), uma desbocada policial local que não aceita ordens de ninguém. Não demora muito para que as duas batam de frente, mas elas precisam encontrar um meio de trabalhar juntas.


Ultimamente alguns filmes de comédia que eu tenho visto tem me surpreendido, geralmente a sala inteira de cinema cai na gargalhada diversas vezes e são poucas as cenas em que se têm algumas risadinhas. Foi exatamente isso que eu passei quando fui ver As Bem Armadas com as lindas Sandra Bullock e Melissa McCarthy.
Em uma resenha anterior, se não me engano de Uma Ladra sem Limites, achei fantástico o trabalho e devo dizer que ela não me decepcionou em nada nesse filme. Uma atuação perfeita para uma atriz de filme de comédia, personagem totalmente diferente do que ela interpreta em Mike & Molly. Sandra Bullock também não ficou pra trás, seu papel nesse filme é um pouco mais contido totalmente em contraste com o de McCarthy e isso é o que gera o efeito cômico que abre espaço para as piadas.
Chamo a atenção para a pequena participação de Marlon Wayans que considero sempre bem vinda. Ação no filme é o que não falta, devido ao contexto policial da estória, mas tudo é bem dosado com as partes engraçadas. A trilha sonora e a paisagem do filme não me chamaram muito a atenção, mas acho que quando se trata de uma comédia com um contexto policial esse contexto nunca é muito bem abordado.

Outra coisa que me deixou meio chocada são as diversas mortes que ocorrem durante o filme de forma um pouco violenta, mas isso na hora não é um choque tão grande devido a parte cômica do filme e algumas piadas sempre ocorrem antes ou depois disso. Não tenho nenhuma critica a fazer ao filme, achei que tem de tudo na medida certa! Super recomendo para aqueles que precisam relaxar, seja por provas seja por trabalho, e para aqueles que amam um bom filme de comédia.
                                     SANDRA E MELISSA EM CENA COMO A DUPLA

                                                                  Por Debby Andrade

© LIVROS MINHA TERAPIA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por