Resenha Especial : Todo dia da @galerarecord ( Promo Comentarista)

03 setembro 2013


 Título original : Every Day
Título no Brasil: Todo dia
Autor : David Levithan
Editora : Galera Record
Número de págs : 276










 
" Todo dia" é longe de ser um livro simples. Sei que alguns vão odiar o assunto e outros como eu vão amar! Gosto da escrita de Levithan e por isso acho que o livro flui tão bem em uma história que de forma alguma bate na mesma tecla, para mim ela é pioneira, pelo menos, foi o primeiro livro que li sobre o assunto, obviamente não li todos os livros do mundo!
A. acorda cada dia no corpo de uma pessoa, Levithan não explica exatamente o que é A é , sabemos porque ele narra tudo que vive a cada dia no corpo de uma pessoa diferente na faixa dos 16 anos.
O que causa estranheza é que a pessoa na qual ele vira essa espécie de " hospedeiro" não recorda de nada que fez enquanto durante 24 h ele foi A. Nem o próprio sabe que espécie ele pertence e sofre com o fato de lembrar exatamente das pessoas que habitou o corpo durante um dia todo.
Raríssimas vezes ele habitou um mesmo corpo, A se sente em abstinência quando está no corpo de um dependente químico, ou sente tudo que uma menina sente, sim, ele pode tanto habitar o corpo de um menino quanto de uma menina.
O que muda na vida de A é que certo dia ao estar no corpo de Justin, um carinha que trata mal a namorada Rhiannon, ele se apaixona por ela.
Daí para frente vamos sofrer com ele as complicações de um amor que ele não esquece mas que não sabe como aparecer na frente dela se declarando e dizendo que aquele dia que ela amou passar com o namorado que agiu lindamente com ela, na verdade não era ele!
Então " A" acessa os emails, quer se comunicar com Rhiannon e ficar perto dela o máximo que pode mas sabemos que o amor é bem sem futuro, Levithan é tão intenso na descrição do primeiro amor, quanto dos personagens que " A" habita, eles tem suas qualidade e defeitos e isso faz com que " A" conheça melhor o ser humano do que ninguém, o que não sabemos é a qual espécie A pertence.
Porém, com a maestria da escrita de Levithan , acho difícil pensar muito nisso quando temos em nossas mãos um livro tão bem escrito e maravilhoso quanto este!


P.S : O livro estava em nossa promo de Comentarista, semana passada foi escolhido ;)

© LIVROS MINHA TERAPIA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por