Resenha: Garotas de Vidro

30 agosto 2012


capa - wintergirls.indd
 
 
 
Autores: Laurie Halse Anderson
Titulo: Garotas de Vidro
ISBN: 9788581630113
Selo: NOVO CONCEITO
Ano: 2012
Edição: 1
Número de páginas: 272
Formato/Acabamento: 16x23x1,8
Peso: 0.395 kg
Área Principal: FICÇÃO
Assuntos: DRAMA
 
 
 
 
 
Sinopse
“Lia e Cassie são amigas há anos, ambas congeladas em seus corpos. No entanto, em uma manhã, Lia acorda com a notícia de que Cassie está morta, e as circunstâncias de sua morte ainda são um mistério. Não bastasse isso, Cassie tentara falar com Lia momentos antes, para pedir ajuda.
Lia tem de lidar com o pai, que é um renomado escritor, sua madrasta e a mãe, uma cardiologista que vive ocupada, salvando a vida dos outros. Contudo, seu maior tormento é a voz dentro de si mesma, que não a deixa se esquecer de manter o controle, continuar forte e perder mais, sempre perder mais, e pesar menos. Bem menos.”


FONTE: SITE NOVO CONCEITO

Bem comecei a ler o livro e achei que não ia desenvolver, pois convenhamos… Já passamos pela adolescência, e os momentos de lamúria de que tudo e todos estão contra nós e que nós somos feias e esquisitas, é o momento mais chato da adolescência!!!
Entretanto, eu sabia que a autora estava lidando com um assunto sério, e continuei a leitura, narrada pela Lia, e que à todo momento nos deixa aflitos com suas “questões”.
Cada um tem um jeito de lidar com estas “questões” !! E Lia prolonga este momento além da conta,  e a anorexia é evidente. Tudo piora quando ela recebe a notícia que sua melhor amiga está morta. A luta psicológica consigo mesma a deixa esgotada. E os artifícios usados pela autora como letras riscadas, e metáforas deixam suas angústias bem ressaltas para nós que estamos lendo.
Lia mente a todo momento, esconde, trapaceia até que reconhece que precisa de ajuda e a luta está por vir.
Fiquei lendo tentando encontrar um culpado, um trauma, alguma coisa que justificasse todo o sofrimento de Lia, mas honestamente não encontrei. Talvez um conjunto de coisas e a tal crueldade que enxergamos na adolescência tenha levado a Lia a ficar doente.
Mas a questão é que Laurie Halse Anderson, deu o seu recado, passou a mensagem de forma pesada,com os pensamentos controversos e conflitantes de sua protagonista, porém consistente com até mesmo um toque de humor para tentar aliviar tensão em alguns momentos.
Obrigada a Laurie e a Novo Conceito pela leitura.

Bjks
Livros Minha Terapia










© LIVROS MINHA TERAPIA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por