Resenha:O Diário de Suzana para Nicolas

15 fevereiro 2012


 Ganhei este livro do dono de uma Livraria Haikai aqui de Niterói-RJ que sempre compro, ele e sua esposa são sempre simpáticos  e quero agradecer muito pelo presente. Eles me tiraram da minha rotina de gênero literário rsrsrs

( HaiKai – Niterói Shopping -  Piso1º  / Loja 103     Tel :2620-4455)
E … Eis eu aqui, mais uma vez surpreendendo a mim mesma!! Smiley piscando


O_DIRI~1
  • Título Original Suzanne's Diary for Nicholas
  • Tradução
  • Páginas 224
  • Formato 16 x 23 cm
  • Peso
  • Acabamento
  • Lançamento 24/10/2011
  • ISBN 9788580410273
  • EAN 9788580410273
SINOPSE
Depois de quase um ano juntos, o poeta Matt Harrison acaba de romper com Katie Wilkinson. A jovem editora, que não tinha qualquer dúvida quanto ao amor que os unia, não consegue entender como um relacionamento tão perfeito pôde acabar tão de repente.
Mas tudo está prestes a ser explicado. No dia seguinte ao rompimento, Katie encontra um pacote deixado por Matt na porta de sua casa. Dentro dele, um pequeno volume encadernado traz na capa cinco palavras, escritas com uma caligrafia que ela não reconhece: “Diário de Suzana para Nicolas”.
Ao folhear aquelas páginas, Katie logo descobre que Suzana é uma jovem médica que, depois de sofrer um infarto, decidiu deixar para trás a correria de Boston e se mudar para um chalé na pacata ilha de Martha’s Vineyard. Foi lá que conheceu Matt. E lá nasceu o filho deles, Nicolas.
Por que Matt teria lhe deixado aquele diário? Agora, confusa e sofrendo pelo fim do relacionamento, é nas palavras de outra mulher que Katie buscará as respostas para sua vida.
O diário de Suzana para Nicolas é uma história de amor que se constrói ao virar de cada página. Cada revelação é mais uma nuance sobre seus personagens. Cada descoberta é um fio a mais a ligar vidas que o destino entrelaçou.
Fonte: http://www.editoraarqueiro.com.br/livros/ver/145


Resenha  do LMT

Comecei a ler este livro no ônibus, só que eu estava tão chateada que não conseguia me concentrar, então parei pois não ia dar a devida atenção para o drama de Katie. Há dois domingos atrás, sozinha em casa retomei a leitura na página doze e só consegui largar quase três horas e meia depois,quando ele chegou ao fim.

Ah!! Sim claro o título do livro é O Diário de Suzana  para Nicolas, mas começamos a entender o porque, quando começamos a ler o diário junto com a Katie. Depois de um rompimento sem explicação do seu amado poeta Matt Harrison. Katie se vê perdida… Pois tinha muita coisa para revelar a Matt no dia do fim de seu relacionamento. Muito triste … ela recebe o Diário, sim o que dá o nome ao livro. Sem saber o motivo de Matt querer que ela leia o mesmo vamos descobrindo junto com ela e tentando desvendar o porquê de Matt ter rompido o namoro e o mais importante o porque de ter deixado o diário, de sua mulher Suzana para Katie ler.
Crueldade? Insensibilidade? Não nada disso … Extrema sensibilidade,humanidade,amor,amizade e companheirismo transbordam das páginas tanto livro quanto do Diário de Suzana para Nicolas.
  A cada página vamos amando e torcendo para ambas as mulheres, Katie e Suzana possuem semelhanças e a maior de todas é o amor que sentem por Matt Harrison.
A cada página um frio na barriga. O diário começa com Suzana contando de como a história dela com Matt começou, passando pelos momentos de romance conquista ,paixão até o pleno amor entre os dois uma história tão linda que sentimos muita pena de Katie ao ler todos aqueles momentos felizes entre o casal, depois o casamento e o nascimento do filho Nicolas.
Katie pensa em desistir muitas vezes , mas o diário é a única coisa que a faz sentir a presença de Matt, e ter esperança de poder entender o rompimento.
Em muitos momentos me emocionei com Suzana ela é tão forte e conta sua jornada através de seu diário com tanta intensidade, amor e esperança, que contagia nossos corações. Frases comuns são ditadas por ela, mas fazem tanto sentido naquele momento que é como se fosse a coisas mais fantástica há ser dita.
O livro é muito surpreendente cheio de momentos OHHHH, AHHHHHH e é claro LÁGRIMAS, me emocionei várias vezes, mais uma vez acho claro, que o fato de ser mãe me deixou ainda mais sensível a história.
Me perguntei porque não comecei um diário para o meu filhote? Há tantas coisas para serem ditas que não sei se na hora vou ter coragem e um diário ia ser uma excelente ajuda!!! ( Aff desculpem o desabafo) .

Mas é isso que o livro faz com a gente… Nos faz pensar na vida, nos valores na verdade que precisa ser dita, nos sofrimentos que precisam ser sentidos e enfrentados. E assim viver… simplesmente Viver, afinal a vida continua.

Nunca tinha lido nada de James Patterson e como ele é atualmente “o cara” no que se diz de leitura de suspense atualmente, fiquei muito surpresa com tamanha sensibilidade.

Mil bjks
; )
Fê Figueiredo




© LIVROS MINHA TERAPIA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por