RESENHA: DEZESSEIS LUAS

17 abril 2011

Resenha. Dezesseis Luas
Autor (a): Margaret Stohl e Kami Garcia
Editora: Galera Record           

Assim que terminei de ler Dezesseis Luas vim escrever para vocês, pois eu não queria perder o ponto alto do sentimento que está comigo desde o momento que comecei a entrar na história e de me sentir próxima de Ethan.
Ethan Whate um garoto aparentemente normal, diante de uma cidadezinha conservadora chamada Gatlin, mas ele estava passando por um momento difícil, tinha perdido sua mãe em um acidente, seu pai não sai do escritório de sua casa desde a morte dela e ainda tinham os sonhos, esses sonhos ou pesadelos tão intensos com uma garota que às vezes ele podia jurar que estava ficando louco pois os sonhos eram mais reais que deveriam ser. Ethan contava com Amma sua governanta que cuidou de seu pai e agora cuida dele como se fosse seu próprio filho, com mais dedicação agora depois da ausência da mãe de Ethan.
Amma é um dos personagens que chama atenção nesse livro, cheia de superstições e cuidados com o que chamamos de energia, cosmo, luz ou trevas. Amma tem um amuleto para cada situação e deixa a família e casa de Ethan super protegida, será que ela teme por alguma coisa? Será que ela sabe sobre os sonhos de Ethan? O que Amma sabe sobre a garota nova, Lena? (Meu povo gostei de Amma, mas às vezes ela podia falar menos em código e deixar as coisas mais fáceis na vida de Ethan coitado tanta coisa acontecendo e ele ainda tinha que decifrar as palavras enigmáticas de Amma. Aff!!!!)
Lena Duchannes era a garota nova diferente de todos que nunca tinham saído daquela cidade, e o novo nem sempre é bem vindo principalmente se tratando de quem ela era sobrinha, do “velho” e considerado louco Macon Ravenwood e que para completar vivia na casa considera mal-assombrada. Então vocês já podem imaginar o quanto Lena vai ser excluída e ignorada pelo povo de Gatlin e a escola com adolescente cureis vai ser ainda mais difícil, mas... Existe a atração inexplicável entre Ethan e Lena e é em um momento extremo na aula de Inglês que ele tem certeza que precisa descobrir o porquê dessa ligação. (Momentos  tensos e de  grandes revelações nesse capítulo Vidro Quebrado pág. 52 e no seguinte Greenbrier pág. 60, haja coração!!!)
Macon Ravenwood é um mistério na cidade de Gatlin existem várias histórias, mas ninguém sabe de verdade quem ele é ou o que é para Lena ele é o que ela tem mais próximo de um pai e sabe que pode contar com ele. E para Ethan quando ele o vê Ravenwood não é absolutamente nada do que sua imaginação já reproduziu. Ainda podemos contar com o cão de guarda, a sua casa e a cozinha que são personagens distintos, mas que se completam ao encontro como um só a Macon Ravenwood durante o livro. (Olha pode parecer loucura chamar uma casa e uma cozinha de personagem mais só lendo o livro vocês vão entender, fazem nossa imaginação voar e desejá-las profundamente rsrsrs
Podemos contar ainda com Link e seu lata-velha, amigo incondicional de Ethan que mostra que uma amizade de verdade enfrenta todas as dificuldades até mesmo as sobrenaturais.

Existem vários outros nessa linda e angustiante história de amor, Sra. Lincoln mãe de Link; Marian a bibliotecária que foi e é a melhor  amiga da mãe de Ethan, e que em muitos momentos vai ser uma peça chave no desenrolar da história.

E o final? E o porquê de Dezesseis Luas? Bem Galera assim não tem graça só vim aqui contar um pouquinho do que achei e deixar vocês desejosos por essa leitura...

Para finalizar digo...
Meus queridos, Dezesseis Luas me deixou desesperadamente feliz, é a prova de que o maravilhoso mundo sobrenatural ainda não se tornou natural como muitos amigos e leitores andam se expressando. Ainda temos muito o que desvendar, surpreender e aprender com tamanha genialidade e criatividade de nossos escritores, essa dupla Margaret Stohl e Kami Garcia deu super certo e trouxe a minha satisfação e acredito que de muitos em ler uma história tão rica de detalhes e novas visões de um mundo amado por todos nós:  o Sobrenatural.

Um grande beijo e espero que tenham gostado.
© LIVROS MINHA TERAPIA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por