Resenha: Desastre

06 março 2011

Resenha: Desastre
Autor(a): S.G.Browne
Editora: LEYA

                 Em algum momento em nossa vida, todos nós pensamos em que lugar no mundo nos encaixamos ou ao que viemos. Pois em Desastre descobrimos que existem seres imortais que nos cercam o tempo todo, com a finalidade de nos orientar quanto ao nosso destino ou fado.
Só que aqui Destino tem o corpo de uma mulher fatal e Fado é um homem estonteante ambos são imortais complexos e cheios de defeitos, que nós, simples mortais  não imaginaríamos ser possível. Lá vai uma explicação sobre a diferença entre eles:
“O Destino não pode ser impingido á força para alguém. Se a pessoa é pressionada por circunstância, então isso é um fado.”
Isso não para por ai...Ainda temos os sete pecados:  IRA;INVEJA;VAIDADE;LUXÚRIA;PREGUIÇA;GULA e AVAREZA as setes virtudes:CASTIDADE;GENEROSIDADE;TEMPERANÇA;DILIGÊNCIA;PACIÊNCIA;CARIDADE;HUMILDADE Está ficando curioso??? Ainda temos as emotividades e circunstâncias ou conseqüências como você preferir e interpretar o livro. E isso tudo é comandado e orquestrado por Jerry ...Que nós conhecemos como Deus.
Jerry tem várias regras para o convívio dos imortais com os seres humanos e é ai... com as regras que toda essa história começa.
                 O livro é narrado por Fado que tem o pseudônimo de Fábio, ele designa a sina dos humanos e tem uma relação mal resolvida com Destino. Fado está intediado com seu “emprego” e com os seus humanos capitalistas e egoístas e quando ele menos espera é pego de surpresa por um sentimento que não deveria sentir e por uma pessoa que não poderia ter e lá se vai à primeira de muitas regras... por água baixo.Só que no mundo dos imortais também existe inveja, ciúmes e despeito e as regras quebradas levam proporções ainda maiores e existe alguém que está trabalhando contra Fado isso o deixa cara a cara com Jerry e pode custar sua imortalidade...
Desastre é uma delícia engraçado, sarcástico e inusitado que avalia nosso dia a dia de forma inteligente.
Me surpreendeu, me deixou aflita, nervosa e muito emocionada, no final não resisti e fui ás lágrimas.

© LIVROS MINHA TERAPIA- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por